Ações de acolhimento marcam a retomada do trabalho presencial no Campus Amajari

por Laura publicado 24/11/2021 14h37, última modificação 24/11/2021 14h37
Programação vai de 23 a 26 de novembro, com oficinas, palestras e atividades culturais

No período de 23 a 26 de novembro, os servidores do Campus Amajari do Instituto Federal de Roraima (CAM-IFRR) participam de diferentes atividades que marcam o retorno gradual das atividades presenciais na unidade. A iniciativa é da Comissão Interna de Saúde e Segurança dos Servidores Públicos (CISSP) e do Comitê de Retorno às Atividades Presenciais do CAM.

A abertura ocorreu nesta terça-feira, 23, com um momento cultural, seguido de palestra da Cissp sobre dicas de ergonomia e um treinamento de biossegurança, no qual foram entregues kits com itens de segurança a serem utilizados pelos servidores no desenvolvimento das atividades presencias. À tarde, a programação seguiu com uma roda de conversa comandada por uma equipe do Centro de Referência de Assistência Social (Cras/Amajari) e atividades físicas (vôlei de areia, zumba e queimada).

Para a professora de Sociologia do campus, Raysa Nascimento, a atividade do primeiro dia foi importante para o acolhimento dos servidores e a socialização dos sentimentos envolvidos com o retorno presencial, no atual cenário. “Nós estávamos afastados há muito tempo e, nesse sentido, as falas dos profissionais deram um amparo para nós, servidores, nos tranquilizando, acolhendo, já que estamos com esse sentimento de ansiedade comum, devido ao retorno neste cenário”, contou, complementando que as ações dos próximos dias devem ser úteis para debater o plano de retorno, de modo que todos se sintam mais seguros.

Nesta quarta-feira, 24, o tema abordado está sendo Outubro Rosa e Novembro Azul, em uma roda de conversa com os servidores da Secretaria de Saúde Municipal Alex das Neves Dias (médico), Inaia da Silva Conceição (piscóloga) e Lilian Sinara Paulino Braga (enfermeira). A programação do dia se encerra com a realização de um bingo às 16 horas.

O presidente da Cissp do CAM, professor Anderson Lino, classifica como de extrema importância a iniciativa. “Estamos retornando de um longo período de trabalho remoto, devido à pandemia, o qual modificou todas as inter-relações e condições emocionais. Tendo isso em vista, nós buscamos desenvolver uma programação que ajude a sanar todos os anseios e medos dos servidores, por meio de atividades como o treinamento em biossegurança, para o desenvolvimento das atividades presenciais de forma segura, bem como atividades com profissionais da área de saúde, focadas no bem-estar físico e mental, e na integração dos servidores, sempre seguindo todos os protocolos de biossegurança”, explicou.

Os dias 25 e 26 serão voltados para uma formação continuada dos professores do campus. Com o tema “Diálogos e reflexões sobre projeto integrador como prática interdisciplinar”, o objetivo é promover um espaço de debate visando capacitar os docentes para o desenvolvimento de ações pedagógicas interdisciplinares.

No dia 25, a partir das 8 horas, será a abertura da formação com gestores do CAM, seguida da apresentação musical do servidor Leandro Brito, professor do Campus Boa Vista do IFRR, e de acolhimento pedagógico com a psicóloga Elorena Araújo Menon. Das 14h às 17h, a pedagoga do IFRR Thays Carvalho vai proferir a palestra “Projeto integrador como prática Interdisciplinar”.

O último dia de evento, 26, começa às 8 horas com a oficina “Construção de Projeto integrador como prática Interdisciplinar”, mediada pelas pedagogas do IFRR Luana Lobo e Thays Carvalho. Das 14h às 17h, será a hora de socializar os projetos integradores construídos, finalizando a programação.

 

Ascom/Reitoria
24/11/2021

CGP