Alunos do Campus Amajari participam da 8ª Conferência da Terra

por Rebeca publicado 19/09/2019 11h34, última modificação 19/09/2019 11h34
Três turmas do Campus Amajari do Instituto Federal de Roraima (CAM/IFRR) participam da 8ª Conferência da Terra e do Fórum Internacional do Meio Ambiente, nos dias 18 e 19 de setembro, na Capital.

Três turmas do Campus Amajari do Instituto Federal de Roraima (CAM/IFRR) participam da 8ª Conferência da Terra e do Fórum Internacional do Meio Ambiente, nos dias 18 e 19 de setembro, na Capital. O evento é uma realização da Universidade Federal de Roraima, em parceria com instituições governamentais e privadas.

Participam acadêmicos do curso superior de Tecnologia em Aquicultura e duas turmas do curso Técnico em Agropecuária do Campus Amajari. A Conferência da Terra, considerada o maior evento socioambiental acadêmico-científico, traz como tema geral Línguas, Ritos e Protagonismos nos Territórios Indígenas, e ocorre de 18 a 20 de setembro.

Os alunos são acompanhados pelas professoras Joelma Fernandes, Ana Paula Franchi, Isamilde Carvalho e Luciana Barros, e pelo coordenador da Assistência Estudantil, Francisco Moura. O objetivo é possibilitar o desenvolvimento crítico dos estudantes em relação a questões indígenas no contexto brasileiro e estimular o desenvolvimento crítico deles em relação a questões de gênero, migração e sociedade.

Para a aluna Izabella Félix, do 2.° ano do curso Técnico em Agropecuária, a participação no evento é de vital importância na sua vida acadêmica, uma vez que está inserida em um campus onde aproximadamente 85% dos alunos são indígenas ou descendentes destes. “Essa conferência nos proporciona o contato com pessoas distintas, oriundas de lugares diferentes e inclusive o ganho de muitas experiências que sem dúvida marcarão nossa vida profissional e pessoal”, comentou.

A professora Luciana Barros disse que a participação é uma oportunidade única de os alunos apreciarem, apreenderem todo o conhecimento gerado em eventos com esse. “Discussões tão atuais e relevantes, especialmente para esses que são originados, em sua grande maioria, das comunidades indígenas. A conferência tem como tema central Língua, Ritos e Protagonismos nos Territórios Indígenas. Está muito interessante”, afirmou.

 VISITA – Nesta quinta-feira, 19, depois de participar da programação na UFRR, a turma 126 do curso Técnico em Agropecuária, no componente “Manejo de solo e água”, fará uma visita técnica à Chácara Rancho da Luz. A propriedade é agroecológica, ou seja, utiliza o modelo agrícola de produção que, assim como a agricultura orgânica, não utiliza adubos químicos, venenos herbicidas, sementes transgênicas, entre outros.

 

 
Rebeca Lopes
Fotos: Divulgação
Ascom/Reitoria
19/9/19

CGP