SEMINÁRIO DE FRUTICULTURA – Acadêmicos de Agronomia do CNP participam de Dia de Campo

por Sofia Lampert publicado 18/02/2020 15h35, última modificação 18/02/2020 16h04
Mais de 40 acadêmicos do curso de bacharelado em Agronomia do Campus Novo Paraíso do Instituto Federal de Roraima (CNP/IFRR) participam, nesta quarta-feira, 19, em Rorainópolis, do Dia de Campo

Mais de 40 acadêmicos do curso de bacharelado em Agronomia do Campus Novo Paraíso do Instituto Federal de Roraima (CNP/IFRR) participam, nesta quarta-feira, 19, em Rorainópolis, do Dia de Campo. A visita faz parte da programação da segunda edição do Seminário de Fruticultura, que começou nesta terça-feira, 18, com discussões durante todo o dia, no auditório da Universidade Estadual de Roraima (Uerr).

A visitação será na Fazenda Henz, das 8h às 12h, localizada na BR-174, km 456, Município de Rorainópolis, sentido Manaus (AM). No Dia de Campo, os participantes terão a oportunidade de conhecer as estações de trabalho, como cultivares de portas enxertos e copas, preparo da área de plantio, cultivo de tangerina e limão siciliano, e participar da colheita de laranjas da variedade pera, produzidas na propriedade.

De acordo com o diretor de Ensino do CNP, Marconi Bonfim, o seminário é uma oportunidade para produtores, professores, estudantes e interessados discutirem sobre as espécies frutíferas em Roraima, em especial, as cítricas, como laranja, limão e tangerina. Ele destaca a importância de participação dos acadêmicos no Dia de Campo.

“Para nós é muito importante esse momento, visto que tanto na matriz curricular dos cursos técnicos quanto na do curso superior existem componentes nessa área, como fertilidade e manejo do solo, fruticultura e extensão rural. Então, toda cadeia produtiva da fruticultura os alunos já veem nas aulas, e essa é uma oportunidade de eles conhecerem de perto a realidade de Roraima”, disse o diretor.

Bonfim lembra que um dos diferenciais dos cursos oferecidos pela Rede Federal é proporcionar aos estudantes conhecimentos teóricos e práticos do ramo escolhido de estudo. “O contato com a prática faz toda a diferença na formação profissional, pois conseguem tirar dúvidas e aprimorar práticas durante as aulas. E nós estamos sempre buscando garantir a participação deles em eventos como esses, em visitas técnicas”, afirmou.

 

 
Ascom/Reitoria
Rebeca Lopes
Fotos: IFRR
« Abril 2020 »
month-4
Do Se Te Qu Qu Se Sa
29 30 31 1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 1 2
  

Guia de Recolhimento da União