Desafios da prática pedagógica é tema de encontro do IFRR no Amajari

por Rebeca publicado 01/02/2019 05h40, última modificação 01/02/2019 06h10
Com o objetivo de promover reflexões, trocas de experiências e discussões sobre a prática pedagógica no contexto da educação profissional e tecnológica, a partir das demandas dos docentes, o Campus Amajari promove, de 4 a 6 de fevereiro, na sua sede, o XIV Encontro Pedagógico. A abertura ocorre às 8 horas.

Com o objetivo de promover reflexões, trocas de experiências e discussões sobre a prática pedagógica no contexto da educação profissional e tecnológica, a partir das demandas dos docentes, o Campus Amajari promove, de 4 a 6 de fevereiro, na sua sede, o XIV Encontro Pedagógico. A abertura ocorre às 8 horas.

Durante os três dias do evento, que tem como tema “Educação Profissional e Tecnológica: desafios e possibilidades da práxis pedagógica no IFRR/Campus Amajari”, professores e técnicos participam de oficinas, palestras e roda de conversa.

Espaço de formação continuada da equipe técnica e dos docentes, o evento tem a intenção de promover discussões voltadas à realização da práxis pedagógica e aos diversos olhares sobre as demandas da Rede Federal, com foco na permanência e no êxito dos estudantes.

Conforme a coordenadora pedagógica do CAM, Luana Lobo, durante reuniões com professores, surgem demandas da sala de aula. Esse feedback ajuda a equipe pedagógica a definir temas de encontros pedagógicos e de ações de intervenção para melhorar o processo de ensino-aprendizagem.

Nesse sentido, um ponto sugerido pelos docentes a ser abordado está relacionado à saúde emocional dos alunos. Será uma roda de conversa com o professor e médico Ruy Guilherme sobre “Metodologias ativas e saúde emocional dos educadores e estudantes no contexto do CAM”. 

A expectativa é que o encontro pedagógico contribua para a prática do professor, no sentido de aprimorá-la com a adoção de metodologias, de técnicas de ensino, que possibilitem a dinamização da prática e a participação dos alunos.

“Um dos pontos muito discutidos nas nossas reuniões com os professores foi o de promover práticas participativas, reflexivas, em que eles (alunos) participem mais das aulas, das atividades. Tudo isso contribui para a redução dos índices de evasão e retenção dos nossos estudantes”, disse Luana.

 

PROGRAMAÇÃO

Dia 4/2/2019

8h às 8h15 – Abertura:

•   George Sterfson Barros – Diretor-geral do Campus Amajari

•   Sandra Grützmacher – Pró-reitora de Ensino

•   Pierlângela Cunha – Diretora de Ensino

•   Luana Lobo – Coordenadora Pedagógica

8h15 às 18h

- Roda de Conversa: “Metodologias ativas e saúde emocional dos educadores e estudantes no contexto do CAM”. Mediador: Prof. Dr. Ruy Guilherme Silveira de Souza

 

Dia 5/2/2019

Manhã: 8h às 12h

-  Oficina 1: “Estratégias didáticas e participação ativa dos estudantes: possibilidades práticas”. Mediadora: M.ª Jamile Rosseti de Souza –  CAP/UFRR.

-  Oficina 2: “O planejamento interdisciplinar e a prática pedagógica no contexto da diversidade cultural”. Mediadora: Dra. Simone Rodrigues Batista Mendes (UFRR).

Tarde: 14h às 18h

-  Mesa-Redonda: “Educação a Distância: uma realidade no Campus Amajari”. Mediadoras: Dra. Edivânia Santana e M.ª Larisse Livramento.

 

Dia 6/2/2019

Manhã

8h às 9h30:

-  Mobilização para implantação da CISSP e da equipe multiprofissional. Coordenação de Qualidade de Vida e Seguridade Social (DGP/IFRR).

9h30 às 9h45 – Intervalo

9h45 às 10h45

-  Comissão Própria de Avaliação: devolutiva do questionário aplicado referente ao período de 2017

10h45 às 12h

-  Gestão em Ação 2018: atividades realizadas nos cursos, nas diretorias e nas coordenações.  Me. George Sterfson Barros (diretor-geral do CAM)

Tarde: 14h às 17h30

-  Planejamento Coletivo – Equipe da Coordenação Pedagógica do Campus Amajari.

 

 

Rebeca Lopes
Ascom/Reitoria
1/2/19

CGP