CAM realiza ação de prevenção para servidores

por Bruna Dionísio Castelo Branco publicado 27/02/2019 17h15, última modificação 13/03/2019 09h05
Palestra abordou meios de contágio de infecções sexualmente transmissíveis e tipos de prevenção

Dados mostram que no Brasil 45% das pessoas com vida sexual ativa não usaram preservativo em suas relações nos últimos 12 meses. Outro número preocupante: 2,5% dos adultos já tiveram algum tipo de IST (Infecção Sexualmente Transmissível). Apesar do conhecimento sobre os tipos de enfermidades transmissíveis em relações sexuais, o uso da camisinha tem sido ignorado.

Preocupada com essa estatística negativa, a Comissão de Qualidade de Vida do Campus Amajari realizou a ação Bloco da Prevenção, voltada para servidores efetivos e terceirizados da unidade de ensino. A ideia foi promover um bate-papo descontraído sobre as formas de contágio de doenças sexualmente transmissíveis e os meios de prevenção disponíveis.

 Enfermeiro Rafael Regis falou a respeito dos métodos de prevenção de ISTs

 

A dinâmica foi conduzida pelo enfermeiro do campus, Rafael Régis, que apresentou orientações sobre transmissão de diversas infecções, como HIV, sífilis e hepatite. “Geralmente desenvolvemos esse tipo de ação com os alunos, com palestras de orientação, mas sentimos a necessidade de abrir para o público adulto, em virtude da proximidade das festas de carnaval e dos dados alarmantes de IST atualmente”, disse.

Além das orientações, foram distribuídos preservativos (masculinos e femininos).

 

Bruna Castelo Branco
CCS/Campus Amajari
27/2/2019
 

 

CGP